Início Notícias Piacabucu Secretaria de Turismo, Meio Ambiente e Recursos Hídricos fiscaliza e notifica comercialização...

Secretaria de Turismo, Meio Ambiente e Recursos Hídricos fiscaliza e notifica comercialização na Foz do Rio São Francisco, em Piaçabuçu

0
COMPARTILHAR

Na manhã desta terça-feira (10), uma equipe de ficais, juntamente com o secretário municipal de turismo, meio ambiente e recursos hídricos, Otávio Augusto, realizou uma ação fiscalizadora no comércio que acontece na Foz do Rio São Francisco, em Piaçabuçu. Na ocasião, foram encontradas diversas infrações ao meio ambiente, e diante disso, os comerciantes foram notificados e orientados sobre tais.

Em junho de 1983, foi criado,  através do decreto n° 88.421, a Área de Proteção Ambiental (APA) federal de Piaçabuçu. Segundo o decreto, a delimitação da APA abrange áreas rurais e periurbanas do município, incluindo toda a região da Foz do Rio São Francisco. Seu objetivo principal é de assegurar a proteção de quelônios marinhos, aves praieiras e fixação de dunas. Diante disso, o IBAMA, juntamente com o IMA, assegura a não realização de ações que possam degradar o meio ambiente.

Secretário Otávio Augusto e comerciante. Foto: Piaçabuçu News

O secretário, Ótavio Augusto, ressaltou  que inicialmente todos que apresentam alguma irregularidade estão sendo notificados, inclusive com a determinação de um prazo para a regularização. Caso não aconteça nenhuma mudança, o próximo passo é a multa e, em seguida, a apreensão do material. “Estamos realizando essas ações com o intuito de conscientizar todos  a preservar o meio ambiente, não pretendemos prejudicar a nenhum deles. Só queremos oferecer aos nossos visitantes um ambiente natural  saudável com o mínimo de impactos negativos. E acima de tudo preservar o que é de todos. O que estamos requerendo de cada um deles é que ao final de cada expediente todos os materiais utilizados para as vendas sejam retirados.”, explicou o secretário.

Equipe de fiscais e comerciantes Foto: Piaçabuçu News

Será realizado um cadastramento de todos os comerciantes envolvidos. Os tais têm um prazo de até 5 dias úteis para comparecer à secretaria de turismo para realizar o cadastro e comprovar que estão legalizados para estarem no local.

Secretário Otávio Augusto, explicando as ações ao comerciante.
Foto: Piaçabuçu News

“Iniciamos as notificações para mostrar onde estão errando. Nosso foco é tornar a Foz do Rio São Francisco conhecida por organização e beleza. Pretendemos padronizar todas as barracas, assim como delimitar o espaço que cada uma deverá ocupar. Além de organizá-los em alas de cada produto oferecido”, finalizou o secretário .

Essas ações ocorrerão periodicamente, de acordo com o secretário. “Nossa equipe vai continuar fiscalizando, notificando e multando os reincidentes que  não tenham tomado providências necessárias”, alertou.

 

Por Redação